Só nos restam canções de despedida

Um universitário e uma criança. No ônibus que o levaria para uma excursão, amigos o viram sucumbir diante de bandidos covardes que atiraram sem motivo aparente. O fisioterapeuta de amanhã, Lucas, teve a vida interrompida na madrugada. Na festa de aniversário, coleguinhas viram criminosos trocarem tiros com um policial e a pequena Ana, de oito […]

Leia mais Só nos restam canções de despedida

“Ovo e uva boa”

Não tinha como escrever sobre a feira sem lembrar-me do meu amado avô que, infelizmente, não tive a oportunidade de me despedir e a última vez que o vi já tem 15 anos. O velho Edgar sempre brincava quando saíamos para supermercados ou feiras gritando o que ele mesmo teria escutado lá pelas bandas de Bezerros […]

Leia mais “Ovo e uva boa”

Lágrimas para todos os lados

De um lado, agricultores. Do outro, um médico. Lá, latrocínio. Aqui, tudo aponta para homicídios dolosos. Na mídia nacional, só se fala na redução da maioridade penal, pois o suposto autor do assassinato de Jaime Gold tem 16 anos e 15 passagens pela polícia, a primeira com 12 anos de idade. Na local, busca-se o […]

Leia mais Lágrimas para todos os lados

Professor educa ou apanha?

Há pouco menos de um mês, um cenário de confronto revoltou a sociedade brasileira. Professores de um lado e policiais, do outro. O choque entre duas categorias tão discriminadas deixou dezenas de educadores machucados, sendo pelo menos 15 em estado grave. As imagens da repreensão violenta correram o mundo. Hoje, 14, outra imagem causa indignação. […]

Leia mais Professor educa ou apanha?

Dia das Mães (II)

Mother, madre, mutter, الأم, mère, אמא, moeder, 母, mater, мать, mor. Reia, na mitologia grega e Cibele, na romana. Virgem Maria, para os cristãos. Não importa o idioma ou história, essa é a mesma mulher que adota, carrega, carregou ou criou um ou mais filhos. A data celebrada no segundo domingo de maio no Brasil, […]

Leia mais Dia das Mães (II)

Dia das Mães (I)

Um menino que sumiu sem deixar vestígios. Uma menina que morreu sem deixar culpados. Uma jovem que amou sem saber que ele seria a desculpa. Uma mulher que foi confundida sem chance de defesa. Em comum, além da violência na região, a figura materna que foi destroçada. Em uma data mais comercial do que nunca, o […]

Leia mais Dia das Mães (I)