Violência em todos os cantos

  “Eu quero presentear A minha linda donzela Não é prata nem é ouro É uma coisa bem singela Vou comprar uma faixa amarela Bordada com o nome dela E vou mandar pendurar Na entrada da favela”*   Não teve faixa amarela. Teve a linha vermelha. Lavada com sangue. Mais uma vez. Perto de favelas. … Continuar lendo Violência em todos os cantos

Infância roubada…

Há quase dois anos e meio postei o texto Virgem de Nazaré, projeta nossas crianças. Travava, entre outras coisas, sobre a morte do adolescente conhecido como “sombra do demônio”, que já passava a ser personagem de vários casos de furto e roubos em Altamira, no sudoeste do Pará. Agora, em São Paulo, outro caso me … Continuar lendo Infância roubada…